Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos

Hoje é o Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos, e para incentivar este ato escolhemos alguns filmes que tratam sobre o assunto.

    Um ato de coragem – Filme que tem no elenco Denzel Washington como um pai desesperado para salvar a vida do filho.

  Feitiço do Coração – Arquiteto tem uma vida perfeita, até que sua esposa morre num acidente de carro. Um ano mais tarde, Bob apaixona-se por uma jovem tímida, sem saber que ela carrega no peito o coração de sua falecida esposa.

  Uma Prova de Amor – Anna foi gerada para que sua médula óssea prorrogase os anos de vida de sua irmã Kate, mas em um determinado momento de sua vida ela começa a questionar quem ela realmente é, e seus pensamentos e questionamentos vão abalar a família que sempre foi muito unida e lutou para a sobrevivencia de Kate.  

No momento não lembro de mais filmes, mas deve ter mais…quando lembrar os coloco aqui.

Sugestão do leitor @jhleal:

  Sete Vidas – Ben Thomas (Will Smith) é um agente do imposto de renda que possui um segredo trágico. Devido a ele Ben tem um grande sentimento de culpa, o que faz com que salve as vidas de completos desconhecidos. Porém quando conhece Emily Posa (Rosario Dawnson) é Ben quem tem a chance de ser salvo.

 

Publicado em Datas, Trailer | Marcado com | Deixe um comentário

II Feirão de Filmes

 

 

 

 

| Marcado com , | Deixe um comentário

29 de Agosto – Dia Mundial de Combate ao Fumo

Hoje é o Dia Mundial de Combate ao Fumo, e pra registrar esta data indicamos o filme ‘Obrigado por fumar’. Apesar de não ser um filme que trate especificamente sobre os malefícios do cigarro (esse não é mesmo o objetivo dele) é bom registrar aqui filmes que tenham a ver com o cigarro.

Baseado no livro de mesmo nome de Crisopher Buckley, ‘Obrigado por Fumar’ relata a história de Nick Nick Naylor, porta-voz de uma grande companhia de tabaco, que enquanto tenta defender os interesses e a imagem da empresa em que trabalha (ele é um lobista da insústria tabagista), tenta ao mesmo tempo ser modelo para seu jovem filho.

Outro filme que relata o poder da indústria tabagista é ‘O Informante’, baseado em fatos reais o filme apresenta a trajetória de dois profissionais determinados a informar publicamente dados surpreendentes sobre os efeitos do fumo. O cientista Jeffrey Wigand é o responsável pelos dados. O produtor Lowell Bergman da rede norte-americana CBS, é o responsável pela divulgação. Ambos enfrentam o poder das indústrias do tabaco e da mídia.

Publicado em Fatos reais, Livro | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Filmes – Educação

Já que falamos em educação no post anterior, aproveito a deixa para mostrar outros filmes que falam sobre o mesmo tema. Alguns deles são mais leves e sem tanto drama, como Escola da Vida e Escola de Rock; já outros como Educação e Adorável Professor misturam essa temática com outros pontos, como relacionamento com pessoas mais velhas e como lidar com a surdez de um filho, respectivamente.

 Escritores da Liberdade – Inspirado em um livro de mesmo nome e baseado em fatos reais, o filme conta a história de Erin Gruwell, uma professora que aceita a missão de trabalhar num sistema educacional combalido, assumindo uma sala de aula cheia de garotos tidos como problemáticos. Na base do diálogo, ela consegue ali o que nenhum outro educador conseguiu: passar aos jovens valores edificantes de respeito e tolerância.

 O Sorriso de Monalisa – Professora provoca uma revolução numa escola para meninas na década de 50, pois suas idéias feministas não são aprovadas pela escola.

 Sociedade dos Poetas Mortos – Quando o carismático professor de inglês John Keating chega para lecionar num colégio para rapazes, seus métodos de ensino pouco convencionais transformam a rotina do currículo tradicional e arcaico. Com humor e sabedoria, Keating inspira seus alunos a seguirem seus próprios sonhos e a viverem vidas extraordinárias

 O Clube do Imperador – Um professor idealista inicia uma guerra particular com um alunio arrogante que desafia seus métodos de ensino.

 Mentes Perigosas – Lou Anne é uma oficial da marinha que abandona sua carreira para realizar um sonho: ser professora de inglês. Enquanto adquire suas credenciais é designada a ensinar um grupo de estudantes que irá mudar sua vida para sempre e vice-versa.

 Ao Mestre, com carinho – Professor negro coloca na linha rebeldes de uma escola barra-pesada de Londres

 Escola de Rock – Em Escola de Rock, o personagem de Jack Black é demitido de sua banda. Endividado, ele aceita ser professor substituto em uma escola bastante rígida, onde acaba se juntando a alguns alunos – em segredo -para formar um grupo de rock.

 Escola da Vida – Professor se envolve numa acirrada disputa com um colega para garantir o título de professor do ano na escola local.

 Mr. Holland – Adorável Professor – Em 1964, o jovem compositor Glenn Holland decide dar aulas de música, enquanto economiza para dedicar todo o seu tempo para a composição de sua sinfonia

 Educação – No período após a Segunda Guerra Mundial, nos subúrbios londrinos da era anterior aos Beatles, uma jovem brilhante está dividida entre se preparar para estudar em Oxford e a opção mais empolgante oferecida por um carismático homem mais velho.

Publicado em Educação, Fatos reais, Livro | Marcado com | Deixe um comentário

‘Entre os Muros da Escola’

Há muito tempo o professor deixou de ser uma figura que impõe respeito, admiração e  mesmo medo na sala de aula. Antigamente, ele era a figura que substituía os pais até na hora de dá um castigo. A palmatória que o diga!

O que vemos hoje (escuto relatos de vários amigos professores) é, na maioria dos casos, uma completa falta de disciplina por parte dos alunos, sejam eles de escolas privadas ou públicas. Os problemas que acarretam isso são muitos, mas não cabe aqui serem discutidos, até porque eles são distintos e referentes à escola pública e privada, respectivamente.

Mas o filme ‘Entre os Muros da Escola’ (Entre les Murs), ganhador da Palma de Ouro do Festival de Cannes 2008, vai além da indisciplina dos adolescentes e mostra, também, problemas comuns a grandes cidades como Paris, que recebem muitos imigrantes e tem que conviver com diferenças culturais. Se para o adolescente já é um problema lidar com as diferenças em geral, imagine então lidar com culturas completamente diferentes. Além disso, os jovens se opõem constantemente à opinião e ao papel do professor, sem aceitá-lo como uma autoridade e tratando de igual para igual.

O esforço do professor em tentar fazer com que o aluno tenha interessa na matéria; o cansaço e a revolta por não conseguirem fazer seu trabalho direito; as preocupações com as vidas particulares de seus alunos; a perda da paciência e da consciência do papel de educador são alguns dos problemas que se passam no filme e que são referentes ao universo do professor.

O filme foi inspirado no livro (de mesmo título) de François Bégaudeau e suas experiências em classe. O autor interpreta François Marin e os alunos são atores sem experiência prévia, o que deu uma naturalidade ao filme, que chega a ser confundido com um documentário.

‘Entre os Muros da Escola’ é um filme para refletir sobre vários temas: diferenças culturais, autoridade, disciplina, o papel da escola e da sociedade no processo de transformação dos jovens, tolerância e outros mais. Mas não são problemas para serem pensados somente por pessoas que trabalham diretamente com educação, afinal são questões que ultrapassam os muros de uma escola e interferem no desenvolvimento da sociedade.

*Disponível na prateleira da Papa Fita. Alugue já!

Ficha técnica:

Título original: Entre les Murs

Gênero: Drama

Duração: 128 minutos

Ano de lançamento: 2007

Site oficial: Entre os Muros da Escola

Publicado em Educação, Fatos reais, Livro | Marcado com , , | Deixe um comentário

Voltando…

Alguns probleminhas técnicos de conexão nos fizeram ficar ausente durante todo esse tempo. Ficamos devendo os filmes relativos à África e a Copa já acabou há um bom tempo…de qualquer forma, filme é filme e conhecimento nunca é demais, aos poucos entre um filme e outro vou sugerindo os que ainda não foram colocados aqui devido à este problema técnico.

Bom filme!

| Deixe um comentário

Invictus

Já que estamos em clima de Copa do Mundo, vamos iniciar as indicações da semana com um filme que trata sobre Copa do Mundo na África. Aí você me pergunta “Como assim? se essa é a primeira vez que um país africano sedia a Copa?”. A copa retratada no filme foi de rugby, um esporte nada popular entre os brasucas.

Invictus acompanha o período em que Nelson Mandela sai da prisão em 1990, torna-se presidente em 1994 e os anos subsequentes. Na tentativa de diminuir a segregação racial na África do Sul, o rugby é utilizado para tentar amenizar o fosso entre negros e brancos, fomentado por quase 40 anos. O jogador Francois Pienaar é o capitão do time e será o principal parceiro de Mandela na empreitada.

A vida de Mandela é colocada superficialmente em Invictus, mas o objetivo do filme não é esse, e sim mostrar como o esporte pode unir diferenças. É destaque, a partir do pensamento do capitão do time de rugby, a postura de Mandela em relação aos seus carrascos. Mandela saiu da prisão pronto para perdoar a todos que lhe fizeram algum mal, e isso é um fator de bastante admiração por parte do capitão François.

O nome do filme vem do poema escrito em 1875 por William Ernest Henley, o poema britânico “Invictuous” : “Não importa o quão estreito seja o portão e quão repleta de castigos seja a sentença, eu sou o dono do meu destino, eu sou o capitão da minha alma”. Esse poema tornou-se o companheiro mais constante de Mandela quando estava aprisionado em Robben Island, ele lia e relia o texto de Henley para manter a esperança e a sanidade.

Vale lembrar que o filme foi inspirado no livro “Conquistando o Inimigo – Nelson Mandela e o jogo que uniu a África do Sul” do jornalista John Carlin.  O livro narra a história da campanha política que Nelson Mandela empreendeu, ao longo de 10 anos, para livrar a África do Sul do ‘apartheid’. Mandela entendia que a única maneira de libertar seu povo era fazer com que os próprios brancos abolissem o sistema de segregação racial. Para isso, seria preciso conquistá-los. Ainda na prisão, estudou a língua e a história dos africâneres e aprendeu tudo o que pôde sobre rúgbi, o esporte favorito dos sul-africanos brancos. Ele sabia que seus inimigos, como todos os seres humanos, queriam ser tratados com respeito, e foi assim, falando a seus corações, que dobrou todos eles, desde seus carcereiros até o presidente do país. (Resenha do livro – Livraria Cultura).

Ficha técnica:

Título original: Invictus

Gênero: Drama

Duração: 134 minutos

Ano de lançamento:2009

Site oficial: Invictus

Direção: Clint Eastwood

Publicado em Esportes, Fatos reais, Livro | Marcado com , , | Deixe um comentário